Skip to content
Click on the slide!

Mineração

Clique aqui e faça agora o download do Panorama Mineral.

Click on the slide!

Núcleo de Análise e Diagnóstico de Escorregamentos

Núcleo de Análise e Diagnóstico de Escorregamentos

Mais...
Click on the slide!

Caminhos Geológicos

"A Terra levou alguns bilhões de anos para construir as rochas, os minerais, as montanhas e os oceanos. Proteja esta…

Mais...
Click on the slide!

CIPEG

Centro de Informações da Produção de Petróleo e Gás 

Mais...
DRM-RJ - SERVIÇO GEOLÓGICO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO
Com apoio do DRM-RJ, empresas do setor de rochas ornamentais do Noroeste Fluminense recebem licença de operação
11/08/2015
Rio, 10 de agosto - A retomada da produção de rochas ornamentais no Noroeste Fluminense dá mais um passo com a concessão de 21 licenças de operação para empresas da região. A cerimônia de entrega acontece na próxima quarta-feira, 12, em Santo Antônio de Pádua. O processo de licenciamento, que foi acompanhado de perto por técnicos da Diretoria de Mineração do Departamento de Recursos Minerais, contribui para a formalização da atividade, realizada principalmente por micro empresas. Como compensação ambiental, as empresas doarão 700 mil metros quadrados de floresta nativa ao município de Pádua pela atividade de extração mineral na região.
Leia mais
 
Nova diretoria do Sindicato dos Mineradores de Areia toma posse nesta quarta

09/08/2015
Na próxima quarta-feira, 12 de gosto, às 10h, toma posse a nova Diretoria do Sindicato dos Mineradores de Areia do Estado do Rio de Janeiro para a gestão 2015/2018. De acordo com o Panorama Mineral Fluminense (2014), elaborado pelo Departamento de Recursos Minerais (DRM-RJ), o Estado do Rio produziu em 2012, 13,2 milhões de m³ de Areia.Conforme o Cadastro de Atividades Minerais(CAM), o setor de Mineração de Areia no Estado conta com 142 empresas e 1,1 mil postos de trabalho.

 
DRM-RJ, CPRM, Ministério das Cidades e Fundação GEO-RIO discutem parcerias na área de Risco de Desastres Naturais para os Municípios Fluminenses
21/07/2015
Em uma iniciativa histórica, o DRM-RJ, a CPRM/MME, o Ministério das Cidades e a Fundação GEORIO discutiram a possibilidade de desenvolvimento de projetos conjuntos relacionados ao mapeamento e à gestão de riscos de desastres naturais nos municípios fluminenses.   
Para tanto, os serviços geológico do Rio de Janeiro (DRM-RJ) e do Brasil (CPRM), bem como a Prefeitura do Rio, representada pela Fundação GEO-RIO, discutiram sobre a possibilidade de harmonizar a metodologia de mapeamento de riscos, considerando a ampla experiência desenvolvida pelas três entidades nos últimos anos e aplicada nos municípios brasileiros. Soma-se a essa iniciativa a experiência japonesa no mapeamento de riscos assimilada por técnicos brasileiros, no âmbito do Projeto GIDES – Gestão Integrada de Riscos em Desastres Naturais, em que são signatários o Governo Federal, os governos do Rio de Janeiro e Santa Catarina, além de municípios da região serrana do Rio de Janeiro (Petrópolis e Nova Friburgo) e Blumenau/SC. 
Leia mais
 
Homenagem do Servidor Hernani Nunes aos 40 anos de existência do DRM-RJ

No dia 15 de julho de 2015, o DRM-RJ, completou 40 anos de existência. Assim fica o registro, através da mensagem do servidor Hernani Nunes, do sentimento que temos para com o Departamento de Recursos Minerais.

40 ANOS

Tudo começa em 1975, sucedendo o DARME

Surge o DRM, com vigor esbanjando charme

Feliz aniversário, quarenta anos de vida

Data que jamais poderá ser esquecida

De altos e baixos, mas, por certo, ereta

Cujo norte aponta uma linha direta, reta

Inserindo você, distinto DRM, lá no alto

No pódio, assim, com orgulho ora exalto

Leia mais..
 
DRM-RJ Divulga o Relatório de Abril/15 sobre Correlação Chuvas x Escorregamentos no Estado do Plano de Contingência Verão 2014/2015
11/05/2015
O Serviço Geológico do Estado do Rio de Janeiro (DRM-RJ) divulga o 28º Relatório Técnico com a análise da correlação Chuvas x Escorregamentos no Estado do Rio de Janeiro referente ao mês de abril de 2015. Este constitui o 5º e último relatório do gênero da temporada do Plano de Contingência Verão 2014/2015. O mês de abril se caracterizou como um mês pouco chuvoso, com o nível pluviométrico ficando abaixo do valor médio mensal. Mesmo com a atuação de duas frentes frias no mês e a formação de uma zona de umidade no dia 22, foram registrados apenas pancadas de chuvas isoladas, não havendo registro de escorregamentos ou processos correlatos. O relatório é produzido pela equipe do Núcleo de Análise e Diagnóstico de Escorregamentos (NADE) com base nos dados pluviométricos do INEA, INMET e CEMADEN.
 
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Página 1 de 54

Acesso Rápido

apoio


Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Energia,Indústria e Serviços

 

PCG/CIPEG/NADE
Nucleo de Anslise e Diagnostico de Escorregamentos