Skip to content
Home Conhecimento Geológico Projeto Carta Geológica
Projeto Carta Geológica
O Projeto Carta Geológica do Estado do Rio de Janeiro foi estruturado em 1972 pelo DARME, que após 1975 passou a denominar-se Departamento de Recursos Minerais - DRM-RJ.

a) TRISERVICE S.A., Geologia, Pesquisa Mineral e Engenharia de Minas

Bloco Cambuci - Folhas: Cambuci; São Fidélis; São João do Paraíso; e Italva;

- Bloco Macaé - Folhas: Macaé/Cabiúnas; Carapebús; Conceição de Macabú; Renascença; e Dores de Macabú.

b) GEOSOL, Geologia e Sondagens Ltda.

- Bloco Santo Antônio de Pádua - Folhas: Santo Antônio de Pádua; Santa Maria Madalena; e Trajano de Morais.

- Bloco Nova Friburgo - Folhas: Nova Friburgo; Teresópolis; Anta; e Duas Barras.

- Bloco Itaperuna - Folhas: Itaperuna; Eugenópolis; Varre-Sai; e Miracema.

- Bloco Três Rios - Folhas: Três Rios; Paraíba do Sul; Miguel Pereira; e Cava.

- Bloco Paracambi - Folhas: Paracambi; Piraí; Itaguaí; e Marambaia.

- Bloco Valença - Folhas: Valença; Rio Preto; Barra do Piraí; e Vassouras.

c) GEOMITEC Ltda.

- Bloco Baía de Guanabara - Folhas: Baía de Guanabara; Itaboraí; Maricá; e Saquarema.

- Bloco Campos - Folhas: Campos; Travessão; Morro do Coco; Lagoa Feia; Farol de São Tomé; Muçurepe; São João da Barra; Barra Seca; e Itabapoana.

d) CPRM - Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais / DNPM- Departamento Nacional da Produção Mineral

- Projeto Faixa Calcária Cordeiro - Cantagalo - : Cordeiro; Cantagalo; e Quartéis.

- Projeto Mimoso do Sul - Folhas: Mimoso do Sul; Bom Jesus do Itabapoana; e Guaçuí.

e) CPRM - Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais

- Bloco Resende - Folhas: Resende / Liberdade; Agulhas Negras / Passa Quatro; São José do Barreiro; Bananal; Nossa Senhora do Amparo e Volta Redonda.

- Bloco Angra dos Reis - Folhas: Angra dos Reis; Mangaratiba; Ilha Grande; Cunhambebe; Rio Mambucaba/Campos de Cunha; Parati; Juatinga / Picinguaba; e Cunha.

f) UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro

- Bloco Petrópolis - Folhas: Petrópolis e Itaipava.

- Bloco Vila Militar - Folhas: Vila Militar e Santa Cruz ( apenas as áreas correspondentes ao antigo Estado da Guanabara).

g) UFRRJ - Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro

- Folha Santa Cruz (porção fora da área do antigo Estado da Guanabara).

h) DRM-RJ - Departamento de Recursos Minerais

- Bloco Morro de São João - Folhas: Morro de São João e Barra de São João.

- Bloco Cabo Frio - Folhas: Cabo Frio; Farol do Cabo; Araruama; Silva Jardim; e Rio Bonito ( mapas e textos preliminares, carecendo de trabalhos complementares).

- Folhas: Porciúncula; Palma; Recreio; Além Paraíba; Sapucaia; Presidente Kennedy e parte da Folha Vila Militar (reconhecimento de campo prévio e esboços geológicos, carecendo de trabalhos complementares).

UNIDADES BÁSICAS DE MAPEAMENTO GEOLÓGICO E SUAS DISTRIBUIÇÕES

Para elaboração de mapas geológicos básicos, numa área de evolução geológica complexa como é o caso de nosso estado, não foi possível utilizar-se dos preceitos do Código de Nomenclatura Estratigráfica. Desta forma, critérios informais foram criados no I Seminário Sobre Critérios de Mapeamento Geológico e Nomenclatura de Unidades do Pré-Cambriano no Estado do Rio de Janeiro e Áreas Limítrofes. Assim, foram definidas:

UNIDADE: é a entidade litológica básica, de mapeamento, de fácil reconhecimento na escala adotada e cunho descritivo. Pode ser de constituição litológica homogênea ou heterogênea. A localidade-tipo dá o nome à unidade.

SUB-UNIDADE: é qualquer entidade de unidade, passível de mapeamento na escala adotada.

AGRUPAMENTO: é entidade que congrega duas ou mais unidades, com elenco de características comuns.

 


Filtro     Exibir # 
# Título do Artigo
1 Sinopse Geológica do Estado do Rio de Janeiro, na Escala 1:400.000
 

Acesso Rápido

Siga-nos em nossas redes sociais