Skip to content
Argila PDF Imprimir E-mail
Seg, 02 de Setembro de 2013 00:00
Autores: Pedro Hugo Müller Xaubet ( Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. ) e Rodolfo Ernesto Barron Torrez ( Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. )
 
O estado do Rio de Janeiro possui o quarto maior segmento de cerâmica vermelha do país distribuído em três polos produtores (Campos dos Goytacazes, Itaboraí e Médio Paraíba) onde se concentram a maior parte das jazidas e indústrias.
Entre empresas produtoras de peças cerâmicas e extratoras de matéria-prima, o polo cerâmico de Campos dos Goytacazes, o maior do estado e segundo do país, concentra 113 empresas, constituindo um arranjo produtivo local (APL) de base mineral, representa 60% do setor no estado e fabrica 54% das peças comercializadas, sobressaindo-se dentre os outros pelos vastos depósitos de argila disponíveis na baixada campista.

O polo cerâmico da região de Itaboraí, o segundo maior, agrega 61 empresas representando 32% do total, fabrica 40% da produção de tijolos no estado, cresce em importância pela proximidade às áreas de expansão da região metropolitana do Rio de Janeiro e por estar localizado no entorno do complexo petroquímico COMPERJ.
O polo produtor de cerâmica vermelha da região do médio vale do Paraíba do Sul, com 16 empresas, representa 8% do setor, é considerado o mais avançado tecnologicamente e tem suma importância pelo caráter tradicional da atividade na região, constitui também um APL de base mineral e produz 6% das peças cerâmicas no estado.
A totalidade de empresas produtoras no estado soma 222, considerando-se as de produção (olarias) e as extratoras de matéria-prima, com uma produção anual declarada de 1.771.200.000 de peças cerâmicas e 4.320.300 toneladas de argila. O valor da produção mensal das 190 empresas dos três polos produtores (85% do total) equivale a R$ C agregando uma mão-de-obra de 7.000 pessoas e gerando uma contribuição através da CFEM de R$ 128.214,38.
 
  Nº de Empresas  Produção Atual (t)   M. Obra Direta   Valor da Produção (R$)    Capacidade Instalada (t) 
 Argila  222 4.320.300 7.000 44.568.000  Dado Não Disponível

Clique no mapa para ampliar
 
 

Acesso Rápido

Siga-nos em nossas redes sociais